Home » Blog » HOSPITAIS PORTUGUESES E O COVID-19 | CUIDADOS PARA GRÁVIDAS, PARTURIENTES E RECÉM-NASCIDOS

HOSPITAIS PORTUGUESES E O COVID-19 | CUIDADOS PARA GRÁVIDAS, PARTURIENTES E RECÉM-NASCIDOS

 

Fonte: Profissionais de saúde que trabalham nos locais referidos.
Data da última atualização: 14 de abril de 2020
Data das publicações anteriores: 23 de março, 30 de março e 2 de abril, 6 de abril de 2020

Nota: Por favor tenha em conta que estas informações poderão mudar de dia para dia. Tentaremos mantê-las atualizadas sempre que possível.

 

ACOMPANHANTE NO PARTO E INTERNAMENTO
Centro Hospitalar da Póvoa do Varzim Vila do Conde Hospital Pedro Hispano – Matosinhos Hospital São João – Porto Centro Materno Infantil do Norte – Porto Centro Hospitalar de Vila Nova de Gaia Unidade Local de Saúde de Alto Minho – Viana do Castelo Centro Hospitalar do Médio Ave – Famalicão Centro Hospitalar Baixo Vouga – Aveiro Centro Hospitalar Entre Douro e Vouga – Feira
Sem
confirmação de COVID-19
É permitido um acompa-
nhante na fase ativa do trabalho de parto mas não na cesariana (e não pode ser suspeito ou portador de COVID19).
Não há visitas após o parto, nem mesmo do pai.
É permitido um acompa-
nhante no parto vaginal mas não na cesariana, necessitando de sair do hospital 2h após o parto.
Não há visitas após o parto, nem mesmo do pai.
É permitido um acompa-
nhante na fase ativa do trabalho de parto.
Após o parto, o pai pode fazer apenas visitas de curta duração, entre as 16h e as 19h.
Não é permitido acompanhante no parto.
Após o parto, apenas pode visitar o pai, visitas curtas, entre as 15h e as 18h, desde que não seja suspeito ou tenha testado positivo para COVID19.
Não é permitido acompa-
nhante no parto.
O pai pode visitar 10 minutos após o parto, entre as 8h e as 22h.
Não é permitido acompa-
nhante no parto. O pai pode visitar 10 minutos após o parto.
É permitido um acompa-
nhante na fase ativa de trabalho de parto.
Não são permitidas visitas após o parto, nem mesmo do pai.
Não é permitido acompa-
nhante no parto e não são permitidas visitas após o parto, nem mesmo do pai.
Não é permitido acompa-
nhante no parto.
O pai pode visitar 10 minutos após o parto, entre as 8h e as 22h.
Confirmada para COVID-19 São transferidas para outro hospital. Não. Não. Não. Não. Não. São transferidas para outro hospital. Não. Não.

 

PELE-A-PELE
Centro Hospitalar da Póvoa do Varzim Vila do Conde Hospital Pedro Hispano – Matosinhos Hospital São João – Porto Centro Materno Infantil do Norte – Porto Centro Hospitalar de Vila Nova de Gaia Unidade Local de Saúde de Alto Minho – Viana do Castelo Centro Hospitalar do Médio Ave – Famalicão Centro Hospitalar Baixo Vouga – Aveiro Centro Hospitalar Entre Douro e Vouga – Feira
Sem confirmação de COVID-19 Sim. Sim. Sim. Não. Sim. Sim. Sim. Sim. Sim.
Confirmada para COVID-19 São transferidas para outro hospital. Não. Não. Não. Não. Não. São transferidas para outro hospital. Não. Não.

 

AMAMENTAÇÃO
Centro Hospitalar da Póvoa do Varzim Vila do Conde Hospital Pedro Hispano – Matosinhos Hospital São João – Porto Centro Materno Infantil do Norte – Porto Centro Hospitalar de Vila Nova de Gaia Unidade Local de Saúde de Alto Minho – Viana do Castelo Centro Hospitalar do Médio Ave – Famalicão Centro Hospitalar Baixo Vouga – Aveiro Centro Hospitalar Entre Douro e Vouga – Feira
Sem confirmação de COVID-19 Sim. Sim. Sim. Sim. Sim. Sim. Sim. Sim. Sim
Confirmada para COVID-19 São transferidas para outro hospital. Não: bebé em neona-
tologia. Sem dados se será possível dar leite materno extraído, ou se só alimentação com leite artificial.
Não: bebé em neona-
tologia. Sugerem extrair leite materno, que é dado na neo ao bebé, ou alimentação com leite artificial.
Sim, mas sempre com máscara e cumprindo as outras medidas excepcionais de higiene. Não: bebé em neona-
tologia. Sugerem extração do leite materno, que é dado na neo ao bebé, ou alimentação com leite artificial.
Não: bebé em neona-
tologia. Sugerem extração do leite materno, que é dado na neo ao bebé, ou alimentação com leite artificial.
São transferidas para outro hospital. Não: bebé internado na neona-
tologia, alimentado a leite artificial.
Não: bebé em neona-
tologia. Sem dados se será possível dar leite materno extraído, ou se só alimentação com leite artificial.

 

RECÉM-NASCIDO PERMANECE COM A MÃE
Centro Hospitalar da Póvoa do Varzim Vila do Conde Hospital Pedro Hispano – Matosinhos Hospital São João – Porto Centro Materno Infantil do Norte – Porto Centro Hospitalar de Vila Nova de Gaia Unidade Local de Saúde de Alto Minho – Viana do Castelo Centro Hospitalar do Médio Ave – Famalicão Centro Hospitalar Baixo Vouga – Aveiro Centro Hospitalar Entre Douro e Vouga – Feira
Sem confirmação de COVID-19 Sim. Sim. Sim. Sim. Sim. Sim. Sim. Sim. Sim
Confirmada para COVID-19 São transferidas para outro hospital. Não, quarentena de 14 dias. Não, quarentena de 14 dias. Não, quarentena de 14 dias. Não, quarentena de 14 dias. Não, quarentena de 14 dias. São transferidas para outro hospital. Não, quarentena de 14 dias. Não, quarentena de 14 dias.

 

ANÁLISES E ECOGRAFIAS
Centro Hospitalar da Póvoa do Varzim Vila do Conde Hospital Pedro Hispano – Matosinhos Hospital São João – Porto Centro Materno Infantil do Norte – Porto Centro Hospitalar de Vila Nova de Gaia Unidade Local de Saúde de Alto Minho – Viana do Castelo Centro Hospitalar do Médio Ave – Famalicão Centro Hospitalar Baixo Vouga – Aveiro Centro Hospitalar Entre Douro e Vouga – Feira
Sem confirmação de COVID-19 Está a realizar ecografia do 1º trimestre, rastreio combinado e ecografia morfológica. Não está a fazer ecografias de 3º trimestre, excepto em situações de risco. Mantêm realização de 3 ecografias e os exames sanguíneos. Consultas não presenciais. Presencial só as essenciais.
2 dias antes das 39sem, oferecem teste COVID-19 a todas as grávidas. Se der positivo, sugerem indução.
Está a realizar ecografia do 1º trimestre, rastreio combinado e ecografia morfológica. Não está a fazer ecografias de 3º trimestre, excepto em situações de risco. Mantêm realização de 3 ecografias e os exames sanguíneos.
Consultas não presenciais. Presencial só as essenciais
Informam por telefone se desmarcarem consultas ou exames.
Oferecem teste COVID-19 a todas as grávidas internadas.
Mantêm realização de 3 ecografias e os exames sanguíneos.
Informam por telefone se desmarcarem consultas ou exames ou se passarem a consulta para modo digital.
Consultas, ecografias e análises mantêm-se. Mantêm realização de 3 ecografias e os exames sanguíneos.
Consultas não presenciais. Presencial só as essenciais.
Estão a cancelar as consultas e exames de rotina para já (só ficam excepções, como as de gravidez de risco).
Informam por telefone quando cancelam consultas ou exames.
Consultas, ecografias e análises mantêm-se.
Confirmada para COVID-19 Seguir as instruções dadas pela SAÚDE 24. Seguir as instruções dadas pela SAÚDE 24. Seguir as instruções dadas pela SAÚDE 24. Seguir as instruções dadas pela SAÚDE 24. Seguir as instruções dadas pela SAÚDE 24. Seguir as instruções dadas pela SAÚDE 24. Seguir as instruções dadas pela SAÚDE 24. Seguir as instruções dadas pela SAÚDE 24. Seguir as instruções dadas pela SAÚDE 24.

 

CONTACTOS PARA INFORMAÇÕES ADICIONAIS
Centro Hospitalar da Póvoa do Varzim Vila do Conde Hospital Pedro Hispano – Matosinhos Hospital São João – Porto Centro Materno Infantil do Norte – Porto Centro Hospitalar de Vila Nova de Gaia Unidade Local de Saúde de Alto Minho – Viana do Castelo Centro Hospitalar do Médio Ave – Famalicão Centro Hospitalar Baixo Vouga – Aveiro Centro Hospitalar Entre Douro e Vouga – Feira
Contactos para Informações Adicionais Mensagem para a pagina do facebook “nasceremfamilia”
demarques
@chpvvc.min-saude.pt
nascernohph
@ulsm.min-saude.pt
964514093: todos os dias das 9h às 19h
nascersaojoao
@gmail.com
Telemóvel COVID para grávidas: 910404105 924405691: dias úteis das 10-13h 969 376 851 (9-19h)
linhaapoiogravida
@ulsam.min-saude.pt
Facebook: obstetricia/
ginecologia viana do castelo
910509089
(8-22h)
[email protected]
chma.min-saude.pt
Depois das 22h: 252300800
934008983
930405421
914008983
967128697
apoiogravidas.
covid19
@chedv.min-saude.pt

 
Os hospitais estão a solicitar e oferecer às grávidas o teste COVID19 a partir das 38 semanas de gestação, ou no momento do internamento.
 
 
CARREGUE AQUI PARA DESCARREGAR ESTE ARTIGO EM PDF

2 comentários

  1. Diana Brandão says:

    O CMIN não está permitindo amamentação Ou contacto pele a pele com ou sem covid. Tenho minha bebê na neonatologia pôr prematuridade desde 22/02 e o CMIN está com regras que cada vez mais restringe o acesso das mães aos próprios filhos, protegendo somente a própria equipa. Além de não poder amamentar só posso ver minha bebê por 4 horas por dia! Cruel e desumano!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

nine − 2 =